(11) 3473-3831 (11) 94795-3935

Vacinação do idoso: entenda a importância! 

Em tempos de pandemia com um vírus desconhecido, se torna ainda mais importante manter a saúde dos nossos idosos em dia, principalmente por serem considerados grupos de risco na luta do COVID-19. Por isso, é necessário garantir que todas as vacinas estejam em dia e que a imunidade do idoso esteja o mais alta possível. 

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), considera-se idoso todo cidadão acima de 60 anos. No Brasil, temos cerca de 28 milhões de pessoas nesta faixa etária, representando 13% da população do país. As vacinas desenvolvidas para os idosos garantem a qualidade e longevidade de vida para os cidadãos desta idade que possui a imunidade mais baixa do que jovens e adultos. 

As vacinas preparam o sistema imunológico para combater doenças graves e devem ser tomadas desde o nascimento. Graças a elas, conseguimos eliminar doenças graves e fatais como poliomielite, sarampo, rubéola, tétano e coqueluche. Quando não há imunização, nosso corpo não produz anticorpos suficientes para o combate e assim, a pessoa corre muitos riscos. É fundamental que pessoas acima dos 60 anos sigam o calendário de vacinação para se prevenir contra doenças graves e até mesmo contra a gripe, que pode parecer simples, mas pode ser fatal a um idoso.

Como funcionam as vacinas para idosos

No Brasil, o Sistema Único de Saúde (SUS) oferece gratuitamente vacinas para idosos, sendo elas contra o vírus da influenza, hepatite B, pneumocócica 23 valente, dupla adulto (difteria e tétano) e febre amarela (apenas para idosos que estejam morando ou passando por áreas com recomendação de vacina).

É importante seguir o calendário de vacinas do adulto e idoso, disponibilizado pelo Ministério da Saúde. Algumas vacinas devem ser tomadas apenas uma vez, outras depois de alguns anos, afinal os vírus sofrem mutações e podem se tornar imunes às vacinas anteriores. A vacina contra a gripe é um bom exemplo das que precisam ser renovadas a cada ano, pois o vírus se torna imune aos anticorpos anteriores. 

Por conta do novo coronavírus, o governo antecipou e aumentou as campanhas de vacinação contra a gripe em idosos a fim de garantir que o cidadão esteja protegido contra o vírus Influenza e não confunda os sintomas, facilitando o diagnóstico em caso de COVID-19.

É muito importante que o idoso possua acompanhamento médico para garantir que todos os procedimentos necessários para uma vida saudável sejam realizados regularmente. No Residencial Bem Viver – Casa de Repouso , garantimos o acompanhamento geriátrico dos idosos e estamos sempre atentos a qualquer mudança em seu estado de saúde normal.

 

10/07/2020

Orçamento Rápido